Neste artigo, veremos a resenha prática do livro “Como evitar preocupações e começar a viver” do Dale Carnegie.

Ansiedade e preocupação são as doenças do século XXI! A ansiedade é uma agonia mental que temos no dia a dia, decorrente de diversas causas, como a expectativa de que algo aconteça, como provas, datas importantes, entrevistas de emprego, até vésperas de exames de saúde pessoal tem ansiedade. Já preocupação é com tudo: violência, contas, futuro, passado, a lista é infinita.

E isso talvez possa te levar a não dormir direito, descontar na comida, ter medos irracionais.

Eu sei como você se sente. Eu já fui muito ansioso.

Na resenha prática dessa semana do livro Como evitar preocupações e começar a viver do Dale Carnegie, vou te dar 4 ideias práticas para você reduzir bastante suas ansiedades e suas preocupações. E ao final do texto, tem algumas perguntas para você já aplicar essas ideias.

O livro é divido em 8 partes, que vão te ensinar algumas ideias para você lidar e enfrentar ansiedade e a preocupação. Se você parar para pensar, 99% das delas nunca ocorreram nem ocorrerão. É tudo fruto da nossa mente, a qual devemos aprender a dominar.

E, antes de começar com as 4 ideias, um lembrete: conhecimento não é poder até que você comece a aplica-lo na sua vida. Então, pegue o hábito de quando estiver lendo um livro ou assistindo a algum vídeo aqui do canal, escreva em algum lugar e tente aplica-lo na sua vida. Isso pode demorar algum tempo para acontecer, mas depois que vira hábito, já era. Comportamento automatizado.

Vejamos 4 grandes ideias para você passar a aplicar imediatamente na sua vida.

Ideia 1 – Viva pelo hoje. Deixe as preocupações de ontem e do futuro longe da sua mente.

Essa ideia aqui é a melhor do livro. Se você prestar atenção, nossa ansiedade e nossas preocupações decorrem basicamente porque nós ficamos ruminando, que nem uma vaca ruminando coisas do nosso passado, que já se foi, ou do nosso futuro, o qual é imprevisível.

Dale Carnegie nos ensina que nós devemos viver nossas vidas em dias divididos compartimentos. Como é isso?

Vamos imaginar aqui agora que eu e você estamos no Titanic e acabamos de bater no Iceberg. Lembra da cena em que os caras tentam fechar as portas das caldeiras para que a água não invada os demais compartimentos?! Pois é, nós devemos fazer a mesma coisa com nosso passado e futuro. Deixá-los trancados em seus compartimentos. Amanhã deixa para amanhã, e o ontem já morreu.

Não estou dizendo que você não deve fazer planos para o futuro. Você deve. Mas você deve ser preocupar com o que você deve fazer HOJE para alcançá-los. Não com o que somente virá depois.

Se você quiser um ditado popular para essa ideia, é não coloque a carroça na frente dos bois.

Se preocupar com o passado ou futuro então fica sem sentido. Umas das passagens mais fortes do livro é a transcrição do autor Stephen Leacock que fala do absurdo que é a criança que fala “quando eu for grande”. Daí a criança cresce e fala: “quando eu for adulto”; e o adulto fala “quando eu casar”; e o casado, por sua vez, fala “quando eu me aposentar”; e quando o aposentado olha para trás à distância da sua vida, ele sentirá um vento frio e perceberá que ele perdeu a chance de vive-la e é tarde demais….

Viva o PRESENTE e evite esse destino trágico.

Ideia 2 – Agir

Às vezes também nossa ansiedade dispara com as coisas que nós temos que fazer. Ficamos pensando nas incontáveis coisas que nos esperam, vem a paralise por análise, e resolvemos deixar para depois.

O conselho que Dale Carnegie nos dá é parar de ficar pensando no que você tem para fazer e ir lá colocar as mãos na massa. Dá uma cuspida aí nas mãe e mãos à obra. AGORA. Quebre aí o que você tem para fazer na menor tarefa possível. Se preocupar não resolve absolutamente nada. Nem que seja abrir um documento Word e salvar com o nome do seu projeto. Ou abrir um email e colocar o assunto. Qualquer coisa. A ideia é que você pegue o momentum da coisa, tal qual um pêndulo que começa a balançar. Isso será o remédio mais barato para suas preocupações. Ação!!!

Ideia 3 – Tudo é uma questão de perspectiva

Dois homens olharam pelas barras de uma prisão, um via a lama e o outro via as estrelas.

Uma mesma situação ela pode ser vista de váaaaarias maneiras.

Você pode estar olhando uma situação de uma forma, mas essa mesmíssima situação

Frase de Hamlet: “Não existe nada bom ou ruim, mas pensar o torna.”

Ideia 4 – Não chore o leite derramado

Não chorar o leite derramado significa tirar o Futuro do Pretérito e o Pretérito Imperfeito do Subjuntivo da sua vida.

Pare de falar que cogitar “E se acontecesse algo”…você deve trabalhar com soluções. De novo, a vaquinha: não fica ruminando seus problemas no mundo da imaginação pensando no que poderia não ter acontecido.

Foca tuas energias mentais em solucionar problemas. Derramou um leite, limpa. Bateu o carro, resolva o problema.

E, claro, às vezes, simplesmente as coisas não ocorrerão como nós gostaríamos. É a coisa mais natural do mundo.

Sumarizando as ideias de hoje?

Ideia 1 – Viva pelo hoje. Deixe as preocupações de ontem e do futuro longe da sua mente.

Ideia 2 – Agir

Ideia 3 – Tudo é uma questão de perspectiva

Ideia 4 – Não chore o leite derramado

E agora perguntas para você. Você pode me responder abaixo nos comentários ou me mandar uma mensagem particular pelo instagram ou facebook ou meu email aleno@alenooliveira.com.br ou até escrever num caderno particular:

Qual ansiedade/preocupação por que você está passando hoje que você vai trancar nos compartimentos do passado e futuro?

Qual projeto você está só enrolando e vai agir AGORA?

Como você pode olhar com outros olhos para aquela situação chata por que você está passando?

Quais as soluções para o problema que você está passando?

Um abraço e até o próximo.

Você pode adquirir o livro aqui.

Se você quiser ver o vídeo, a seguir:

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário